SEGURANÇA PÚBLICA
Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros em números
Balanço referente a 2019 foi apresentado à imprensa na tarde desta segunda-feira (13/1)
por Departamento de Jornalismo - Rádio Araguaia 14/01/2020 às 05:56 Atualizado em 14/01/2020 às 05:57

Na tarde desta segunda-feira (13) representantes da Polícia Militar, Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros de Brusque apresentaram à imprensa os números da segurança pública na região. Os dados referem-se ao ano passado e mostram indicadores positivos em relação a queda na criminalidade. Por outro lado, o aumento de acidentes de trânsito tem chamado a atenção. Algo que motivará a realização de campanha educativa no município. 

POLÍCIA MILITAR

O comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar de Brusque, tenente-coronel Otavio Ferreira Filho, fez um avaliação das atividades e números da segurança públicas na região ao longo do ano passado. Aos jornalistas, o militar destacou que o índices de furtos e roubos caíram somando-se ao aumento do combate ao tráfico de drogas na região. Para o comandante, o balanço é positivo. O lado negativo fica para o trânsito onde a PM contabilizou aumento de mortes em Brusque:


Violência contra mulher e casos de perturbação do sossego alheio foram destacados pelo comandante por conta de suas peculiaridades no atendimento:


Por fim, o militar destacou a união dos órgãos de segurança em Brusque:


CORPO DE BOMBEIROS

O comandante do Corpo de Bombeiros de Brusque, capitão BMJackson Luis de Souza, também destacou as atividades desenvolvidas pela guarnição ao longo do ano que terminou:


Enquanto o número de acidentes aumenta, os casos de incêndio caíram no município:


POLÍCIA CIVIL

Na Polícia Civil o ano que terminou mereceu destaque pela eficiência na solução dos casos. O delegado regional, Dr. Fernando Defaveri destacou os índices:


Além da atuação em conjunto das forças policiais, a participação do Poder Judiciário tem sido determinante para o sucesso das operações e redução dos números de crimes na região, como lembra o delegado:


Com a vinda de um novo delegado, existe a ideia de se criar uma divisão de furtos e roubos na regional. Aos jornalistas, o policial falou sobre o projeto:


Por fim, Dr. Fernando Defaveri também falou sobre o atendimento na CIRETRAN no ano passado. Os números aproximam-se dos 100 mil atendimentos, o que impressionou o delegado:


Assuntos: Segurança
Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados