Ciclone
Prefeito de Brusque participa de reunião on-line com governador
Pauta do encontro foi a situação do município após chuvas e rajadas de vento da última terça-feira (30)
por Secom / Prefeitura de Brusque 02/07/2020 às 18:34 Atualizado em 02/07/2020 às 19:11

Realizar um levantamento sobre a situação dos municípios catarinenses, após a formação do ciclone extratropical na terça-feira (30). Esta foi a pauta da reunião virtual convocada pelo Fórum Parlamentar Catarinense, que contou com a participação do prefeito de Brusque Jonas Paegle, do diretor da Defesa Civil do Município André Cristiano Archer e do coordenador da Defesa Civil Edevilson Paulino Cugiki. 

Na oportunidade, Paegle relatou ao governador Carlos Moises da Silva e ao secretário de Estado da Defesa Civil/SC, coronel João Batista Cordeiro Júnior, a situação do município de Brusque, que registrou diversos prejuízos em todas as regiões (ver resumo abaixo). 

“Foi uma reunião importante agora a tarde com prefeitos de outras regiões do Estado. Como disse o governador, toda Santa Catarina foi atingida. Fizemos o relatório do que ocorreu em Brusque, a falta de energia elétrica, os destelhamentos e todos os demais prejuízos. Temos o prazo até semana que vem para entregar um relatório completo da situação e dos prédios públicos danificados”, conta o prefeito.  

De acordo com ele, o município vai aguardar para saber se receberá apoio financeiro. “Estamos em um cenário de Calamidade Pública declarada em todo o estado pelo governador. Na reunião foi falado de diversas verbas, que estariam disponíveis. Vamos entregar o relatório e ver o retorno das verbas, que devem ser repartidas entre os municípios”, explica.

O coordenador da Defesa Civil destaca que foram chamados a participar da reunião representantes de cidades que tiveram registro de óbitos ou desaparecidos, como é o caso de Brusque (continuam as buscas por Alacir Fusinato Junior, 28 anos). “Objetivo do Estado é fazer o acompanhamento em tempo real da situação. Vamos tentar um recurso para atendimento dos prédios públicos e das famílias atingidas”, ressalta Cugiki.

Resumo dos atendimentos da Defesa Civil 

Escolas Destelhadas: 02 

Outros Prédios da Prefeitura (Rodoviária e prédio da Defesa Civil): 02 

Pontes destruídas: 01 

Destelhamento :41 

Queda de Árvore: 26 

Queda de Outdoor: 02 

Lona Preta: 2220 m2 distribuídos

1 desaparecido – Alacir Fusinato Junior, 28 anos morador do Bairro Bateas 

1 desalojado – Bairro Azambuja

Assuntos: Comunidade
Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados