CORONAVÍRUS
São João Batista soma mais 42 casos recuperados da doença
O número de novos contágios confirmados foi de sete, sendo cinco mulheres e dois homens
por Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São João Batista 05/08/2020 às 19:27 Atualizado em 05/08/2020 às 19:34

Em nota enviada à imprensa pela Prefeitura Municipal, mais 42 moradores de São João Batista foram considerados recuperados da Covid-19 nesta quarta (05).

O número de novos contágios confirmados foi de sete, sendo cinco mulheres e dois homens. Os pacientes, cujas idades variam dos 22 aos 46 anos, residem nos seguintes bairros: Centro – 3, Arataca – 1, Carmelo – 1, Ribanceira do Sul – 1 e Tajuba II – 1.

Com a atualização dos dados, o município contabiliza, no momento, 191 casos ativos, sendo que cinco estão internados em leitos hospitalares de média complexidade e cinco estão na UTI.

A Secretaria Municipal de Saúde destaca, no entanto, que o Lacen/SC, de Florianópolis, não libera novos resultados desde segunda (03). Atualmente são 129 exames encaminhados pelo município no aguardo de análise. Os novos casos registrados nesta quarta foram verificados por meio de testes rápido e testes PCR, tanto da rede pública como da particular.

BALANÇO

As curvas de evolução da Covid-19 em São João Batista tiveram uma reversão nas últimas duas semanas, com o número de casos recuperados superando o de casos ativos. Os pacientes liberados para o retorno ao convívio social saltaram de 199 para 489 em 15 dias, o que corresponde a um aumento de 145,72%. No mesmo período, após chegar em 268, os casos ativos tiveram uma redução de 230 para 226.

“Os dados ainda são bastante preocupantes. No entanto, a disparada de contágios verificada a partir de julho, aparenta ter encontrado um ponto de estabilização. O grande desafio, agora, é que o número de novos casos tenha uma diminuição mais acentuada. Isso somente será possível se todos tomarem as precauções recomendadas, como uso de máscara, distanciamento pessoal e higiene frequente das mãos”, comenta a secretária municipal de Saúde, Karin Leopoldo.

Conforme ela destaca, para combater o avanço da pandemia, o município disponibiliza, desde a metade de março, um local específico para o atendimento médico de pacientes com suspeita de terem contraído a doença: o Centro de Triagem de Sintomáticos Respiratórios. Situada junto à Unidade Básica de Saúde (UBS) Centro, a estrutura funciona de segunda a sexta, das 7h às 20h45, sem necessidade de agendamento prévio para consultar. O Hospital Monsenhor José Locks, com atendimento ininterrupto, é outra alternativa.

Ela salienta, ainda, que as farmácias de Atenção Básica estão abastecidas com todos os medicamentos utilizados dentro do protocolo para tratamento da Covid-19 adotado no município. Em julho, por exemplo, foram entregues mais de 40 mil comprimidos de cloroquina, ivermectina, azitromicina, entre outros. A dispensação dos remédios ocorre somente com prescrição médica, a partir de avaliação do quadro de saúde de cada paciente.




Assuntos: Saúde
Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados