Geral
Após polêmica, Havan reforça venda de Bandeiras do Brasil
Símbolo nacional pode ser adquirido pelo preço de custo de R$ 19,99 em todas as mais de 170 megalojas
por Assessoria de Imprensa HAVAN 15/07/2022 às 16:24 Atualizado em 15/07/2022 às 16:25
Divulgação

A rede varejista Havan lançou uma nova campanha para reforçar a venda das Bandeiras do Brasil. A ação iniciou após a polêmica envolvendo uma juíza eleitoral do Rio Grande do Sul, a qual disse que o símbolo nacional se tornou marca de “um lado da política” no país.

As Bandeiras podem ser adquiridas pelo preço de custo de R$ 19,99 em todas as mais de 170 megalojas espalhadas por todo o país. “A Bandeira do Brasil representa nossa história e identifica a nação brasileira. Todo cidadão tem direito de exaltá-la, independentemente de partido”, destaca o dono da Havan, Luciano Hang. 

Além do símbolo nacional, a varejista oferece ainda camisetas verdes com a frase “O Brasil que queremos só depende de nós” estampadas na frente, assim como no uniforme dos colaboradores Havan. “Devemos incentivar cada vez mais o patriotismo, temos que ter orgulho do nosso país, da nossa Bandeira. Fico impressionado com esse tipo de notícia. Um ativismo judicial absurdo. É a liberdade sendo tolhida todos os dias”, acrescenta Hang. 

Veja campanha da Havan: https://havan.me/DiyWQ

Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados