Secretaria de Saúde

Dezembro Vermelho chama atenção para testagem do HIV

Teste gratuito e preservativos são distribuídos gratuitamente nas Unidades de Saúde
por Secom / Prefeitura de Brusque 06/12/2023 às 19:09 Atualizado em 06/12/2023 às 20:04
Foto: Gabrielli Moreira/Secom Brusque.

A Secretaria de Saúde de Brusque está promovendo, durante todo o mês de dezembro, ações voltadas ao Dezembro Vermelho, mês de conscientização sobre o HIV e AIDS. O objetivo é promover a prevenção, o diagnóstico e combater o estigma associado a essa condição de saúde.

A campanha, que leva o lema “quem previne testa, trata, não transmite”, chama atenção para a importância de regularmente fazer a testagem. A farmacêutica Camila Gilli, que atende no Serviço de Atendimento Especializado (SAE), ressalta quem deve fazer o teste. “Quanto mais cedo uma pessoa testar, mais cedo o infectado poderá começar o tratamento e prevenir doenças associadas. Qualquer pessoa que teve uma relação sexual desprotegida deverá fazer o teste”, informa.

Durante todo o ano, são disponibilizados preservativos em todas as UBS de maneira gratuita. As ações em dezembro se estendem a distribuição de autoteste e preservativos em casas noturnas e bares, além de distribuição de panfletos informacionais. Na quinta-feira (7) haverá um mutirão de testagem ampla no Senac, em alunos e professores. Além de ações interagem com profissionais da Rede Pública de Saúde.  

Em 2022, o município de Brusque recebeu um selo do Ministério da Saúde, que certifica a cidade por ter alcançado a erradicação da transmissão vertical do HIV. O último caso na cidade ocorreu há 14 anos atrás durante o período de aleitamento materno. “A gente fez mais de 200 partos, e nenhuma criança contraiu o vírus. Nós fazemos todo o rastreamento dentro do município, então todas as gestantes são comunicadas e acompanhadas”, informa Camila. 

No entanto, na comunidade em geral, os dados em Brusque não são tão bons. A cidade ocupa a 4° posição do ranking de cidades do estado que mais têm casos de HIV. As ações do Dezembro Vermelho estão focadas em atingir esta população para que o município consiga baixar o índice de contaminação. 

A testagem do HIV está disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), sem precisar de agendamento. No caso de menores de idade, acima de 12 anos, necessita-se que eles estejam lúcidos para receber o diagnóstico, questão que é avaliada pela equipe da UBS. Crianças abaixo dessa idade precisam estar acompanhadas do responsável. 

Confirmado o caso, o paciente será direcionado ao SAE. O serviço é um centro de referência para doenças infectocontagiosas, que dará sequência ao acompanhamento ao infectado. A equipe do SAE é multiprofissional para atender de maneira ampla os pacientes. Dentre o atendimento, a equipe realiza o serviço de pré e pós exposição (PEP e PREB).

Assuntos: Saúde

Envie seu comentário sobre esta notícia

Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios

Recomendados

WhatsApp