CÂMARA DE GUABIRUBA
Moção de repúbio por contingenciamento de verbas na educação é retirada de pauta
Autor da proposta, Felipe Eilert dos Santos (PT) mostra preocupação por reflexos a estudantes de Guabiruba que utilizam-se do IFC Brusque
por Assessoria de Imprensa da Câmara de Guabiruba 22/05/2019 às 10:34

A terceira sessão ordinária do mês de maio da Câmara Municipal de Guabiruba foi realizada na noite desta terça-feira (21). Os trabalhos foram conduzidos pela presidente da mesa diretora Rosita Kohler (Progressistas). Na oportunidade, um projeto de lei foi apreciado e aprovado em primeira votação. Os vereadores também deliberaram e aprovaram duas moções.

O vereador Felipe Eilert dos Santos (PT) apresentou moção ao Instituto Federal Catarinense de Brusque (IFC) buscando apresentar o apoio dele e também da casa com relação aos cortes ou contingenciamentos financeiros de, aproximadamente, 30% anunciados pelo Governo Federal. Isso, segundo o parlamentar, pode impactar diretamente na vida de muitos alunos guabirubenses que utilizam-se da estrutura do IFC.

O tema gerou muitas discussões, quando alguns vereadores manifestaram apoio à moção e outros ao governo. Assim, a moção foi retirada de pauta para aperfeiçoamento da redação, retornando para a ordem do dia em próximas sessões.

Por sua vez, Waldemiro Dalbosco (Progressistas) informou que recebeu a visita do assessor do deputado Altair Silva, solicitando o apoio dos vereadores e lideranças para criação de um Fundo de Manutenção para as Rodovias Estaduais.

O segundo assunto abordado pelo vereador foi relacionado à moção de apoio ao IFC que tramitava na casa. Dalbosco afirmou que não se trata de ser contra ou a favor do IFC ou da educação, mas sim, do retrato da situação fiscal do Brasil. Ele também lembrou que outros setores estão sendo atingidos pelo contingenciamento.

Já Haliton Kormann (MDB) solicitou à Secretaria de Obras que providencie a tubulação do esgoto na Rua João Scharf, bairro Aymoré, numa extensão de, aproximadamente, 200 metros.

A manutenção e limpezas de bocas de lobo em vias no final da localidade de Alsácia, bairro São Pedro, foi assunto cobrado pelo parlamentar. Kormann afirmou que foi procurado por moradores que solicitaram essas melhorias.

Por fim, o vereador comentou sobre a lentidão nas ações dos congressistas brasileiros em analisarem as matérias enviadas ao Congresso Nacional. Da mesma forma, prestou apoio ao presidente Jair Bolsonaro, afirmando que o contingenciamento feito por ele na educação já havia sido também registrado em governos passados.

A presidente da Câmara, Rosita Kohler, aproveitou o espaço para convidar os vereadores, imprensa e comunidade para o lançamento oficial do 2º Concurso Talento Guabirubense de Pintura, Desenho e Redação promovido pelo legislativo com apoio da Secretaria de Educação. Nesse ano o tema será “sustentabilidade” e o lançamento acontecerá na Escola de Educação Básica Prof. Carlos Maffezzolli, bairro São Pedro.

ORDEM DO DIA

- Foi aprovado em 1ª discussão e votação o Projeto de Lei Ordinária nº 14/2019, que "CRIA A CONTROLADORIA GERAL DO MUNICÍPIO, REVOGA A LEI MUNICIPAL 861, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2003, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS".

- Aprovada Moção de Apoio nº 04/2019;

- Aprovada Moção de Apoio nº 05/2019;

Nada mais havendo a tratar, foi declarada encerrada a sessão ordinária, convocando a próxima para o dia 28 de maio de 2019, no horário regimental às 19 horas.

Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados