Operação Alegria
Nenhuma morte é registrada nas Rodovias Estaduais em 2020
A operação começou às 18h00 do dia 21 de fevereiro de 2020 (sexta-feira) e se estendeu até às 08h00 do dia 26 de fevereiro de 2020 (quarta-feira)
por Policia Militar Rodoviária Estadual 26/02/2020 às 14:38

Na Operação Alegria de 2019 foram 91 acidentes, sendo 48 com vítimas, envolvendo 162 veículos e causando ferimentos em 64 pessoas e NENHUMA MORTE.

Na Operação Alegria de 2020 foram 92 acidentes, sendo 49 com vítimas, envolvendo 152 veículos e causando ferimentos em 74 pessoas e NENHUMA MORTE.

AÇÕES DESENVOLVIDAS

A Polícia Militar, através do Comando de Policiamento Rodoviário (CPMR), desenvolveu desde às 18h00 do dia 21 de fevereiro de 2020 (sexta-feira), a “OPERAÇÃO ALEGRIA 2020”, que se estendeu até às 08h00 do dia 26 de fevereiro de 2020 (quarta-feira), com a finalidade de proporcionar conforto, fluidez e segurança aos usuários das rodovias estaduais catarinenses durante o período

No total, foram 11.470 veículos abordados em 432 barreiras de trânsito realizadas. Durante a fiscalização, um dos principais focos foi a embriaguez ao volante. Em razão disso, como vem ocorrendo em outras operações, em 2020 alcançamos uma marca histórica de 550 pessoas flagradas embriagadas ao volante nas rodovias catarinenses. Um aumento de 245% em relação à 2019 (159). É a primeira vez que esse número é registrado pela Polícia Militar Rodoviária (PMRv) em toda sua história.

Repetimos a marca histórica do ano de 2019 em que não tivemos nenhuma morte nas rodovias catarinenses. Em 2020 o foco foi garantir a segurança e a vida das pessoas que trafegaram por nossas rodovias. Mesmo com a chuva, que piora as condições de dirigibilidade e aumenta o risco de acidentes graves, nosso patrulheiros rodoviários estiveram presentes e protegendo sob a chuva que caiu em muitos momentos.

As autuações expedidas pelos policiais militares rodoviários aos motoristas durante o período da operação reflete a imprudência de alguns condutores. Foram 305 autuações pelo não uso do cinto de segurança, 152 por ultrapassagens irregulares e 109 pelo mau estado de conservação dos veículos, o que coloca em risco os outros usuários.

Estamos trabalhando para manter nossas rodovias mais seguras a todos os cidadãos que as utilizam. Faça sua parte!

Polícia Militar Rodoviária de Santa Catarina: A polícia das rodovias catarinenses!!!

Assuntos: Trânsito
Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados