TRIBUNA

Patrícia Freitas parabeniza Eder Leite por denunciar Jocimar em suposta “rachadinha” 

A vereadora ainda levantou suspeita sobre o apoio de Jocimar à eleição do prefeito André Vechi
por Assessoria de Imprensa Câmara de vereadores 06/12/2023 às 18:03 Atualizado em 06/12/2023 às 18:15
Imagem divulgação

Na sessão ordinária desta terça-feira, 5 de dezembro, A vereadora Patrícia Freitas (PT) se pronunciou sobre a prisão do vereador licenciado Jocimar Santos (DC), em operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) na noite da última quinta-feira, 30 de novembro. Segundo informações da Polícia Civil de Brusque, Jocimar estaria envolvido em suposto esquema de “rachadinha”.

Patrícia parabenizou o vereador Eder Leite (DC), substituto da cadeira de Jocimar e denunciante do caso, pela atitude de levar a denúncia ao Ministério Público e, posteriormente, à Câmara de Vereadores. “Acredito que não é a primeira vez que isso acontece no município de Brusque e deve acontecer em outros espaços também. Mas a tua coragem e honestidade fizeram com que você tivesse essa atitude”, pontuou a vereadora. “Isso serve como processo pedagógico na cidade. Para que tanto a comunidade como os políticos fiquem ligados”, complementou. 

A vereadora disse acreditar que o caso será devidamente analisado e julgado, tanto na esfera judiciária, quanto a legislativa, uma vez que há provas contundentes do caso. “Acredito, de fato, na justiça e acredito também que esta casa vai fazer os procedimentos corretos, como vem fazendo até este momento. Não é uma simples denúncia e merece o devido tratamento”, frisou.

DC no Executivo

Patrícia colocou em dúvida se casos como o de Jocimar estariam ocorrendo também no Poder Executivo. “A imprensa vem divulgando essa semana que o vereador possui mais de 30 cargos comissionados indicados na Prefeitura, ou que o partido dele, o Democracia Cristã, tem esses cargos. Será que isso está acontecendo com esse único vereador ou será que está acontecendo com outros? Essa dúvida fica e eu espero que a investigação vá para além da Câmara”, disse.

O fato de o prefeito André Vechi, hoje filiado ao Partido Liberal, ter sido eleito com a mesma sigla de Jocimar, o Democracia Cristã, também foi citado e colocado em suspeita pela vereadora. “O Jocimar fez parte da eleição do atual prefeito, participou da campanha, tem praticamente uma secretaria inteira no governo”, declarou Freitas. 

Rede social de Vechi

Por fim, Patrícia criticou a atuação de Vechi em sua página do Instagram, em comentários relacionados à repercussão do caso de Jocimar. “Ele poderia estar fazendo outras coisas no horário de trabalho ao invés de estar no Instagram. Se for observar ele esta semana no Instagram, dando resposta — que nem combina com resposta de um prefeito, quando ele podia estar muito bem fazendo ações em benefício da cidade”, disse a vereadora.  

Assista ao pronunciamento da vereadora na íntegra:

Texto: Aline Bortoluzzi/Imprensa Câmara Brusque

Assuntos: Política

Envie seu comentário sobre esta notícia

Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios

Recomendados

WhatsApp