Solidariedade
Troca de abraços e presentes marcam 16º Natal Solidário UNIFEBE
Mais de 600 crianças foram apadrinhadas nesta edição do evento, realizado na quarta-feira, 5 de dezembro
por Redação 05/12/2018 às 14:03 Atualizado em 11/12/2018 às 06:24

Sentimentos inerentes ao ser humano, o amor e a solidariedade estiveram presentes nesta quarta-feira, 5 de dezembro, na 16ª edição do Natal Solidário UNIFEBE. Com olhar atento e sorriso tímido, as mais de 600 crianças atendidas pelo projeto aguardaram seus padrinhos para a troca de presentes e de abraços afetuosos.

O evento, realizado no Átrio do Bloco A, contou com apresentações culturais dos pequenos, chuva de balões e a presença do Papai Noel, que neste ano chegou ao local no veículo Baja — montado pelos acadêmicos de Engenharia Mecânica para competições.

Com o coração saltando pela boca, assim como ela mesmo definiu, Lúcia Sores dos Santos e sua família participaram pela primeira vez do Natal Solidário. Eles apadrinharam uma menina de 5 anos da Escola Municipal Professor João Francisco Valle, de Nova Trento. Ela enfatiza que foi um prazer participar e que nem todos os pais conseguem dar um presente para o filho, por isso, ser madrinha foi muito gratificante.

— Fazer um ato de carinho muito bom. Foi um momento lindo para mim e para os meus filhos. Espero poder participar novamente ano que vem — declara.

Amanda Barichello Salomão, estudante de Direito da UNIFEBE, participou pela segunda vez do evento.

— Escolhi uma criança da Clínica Uni Duni Tê porque minha mãe trabalhou lá muito tempo e sempre me comoveu a atividade deles, a solidariedade. Estou muito grata por participar. Observo que passamos o ano inteiro muito ocupados e este é um momento que tiramos um tempinho para ajudar o próximo, acho incrível essa ação que UNIFEBE faz — ressalta.

O reitor Günther Lother Pertschy enfatiza que é dia de muita festa na UNIFEBE, e que este é um dos projetos mais bonitos da Instituição, aguardado não somente pela comunidade acadêmica, mas pelos empresários e famílias.

— Todos colaboram fazendo com que as crianças, principalmente as mais carentes, tenham um momento de grande alegria, de descontração. É quando o Papai Noel traz um presente para esses pequenos, muitas vezes o único, e por isso ficamos muito felizes por promover o Natal Solidário — salienta.

A secretária de Educação de São João Batista, Roseli Peixer Tomasini, conta que as escolas carentes da cidade participam do evento há mais de cinco anos. Ela ressalta que a ação é grandiosa e através dos padrinhos as crianças recebem presente e carinho.

— Sabemos que não é só o presente físico em si, porque ele vem carregado de amorosidade. Essas crianças ao brincarem vão sentir o carinho com que foi comprado. É uma ação valorosa que traz sentimentos que são inerentes ao ser humano, que é o amor e a bondade — destaca.

O evento

Mais de 600 crianças de Brusque, Guabiruba, Botuverá, Nova Trento, Gaspar, São João Batista, Canelinha e Major Gercino foram apadrinhadas nesta edição.

Para que o evento fosse realizado com sucesso, entidades e empresas da região colaboram com diversas doações. Foram elas: Quimisa, Bilu Indústria de Alimentos, Aradefe Malhas, Fort Atacadista, Recicle, Raffcom, Havan, Núcleo de Panificadoras da Associação Empresarial de Brusque, Irmãos Fischer, Guabifios, Fiação Águas Negras, Lanchonete Akademikus, Padaria Zen, Cantina Cravo e Café, médico Mario Bergamaschi, Família Gertrudes Hoffmann Furtado e Supermercado O Barateiro.

Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados