Janela Popup com Áudio

Ao Vivo

Publicidade

2ª Corrida da Apae de Brusque arrecada mais de R$ 110 mil

Com número recorde de 1.400 inscritos, evento contou com a parceria do projeto “Pernas Solidárias”

Publicidade

Difícil não se emocionar ao contemplar a linha de largada, durante a contagem regressiva. Na 2ª Corrida da Apae de Brusque, realizada na manhã deste domingo, 26 de maio, largaram primeiro os atletas do projeto “Pernas Solidárias”, conduzidos em cadeiras de rodas adaptadas às pessoas com deficiência. Logo depois, uma imensidão de corredores tomou conta da via: foram mais de 1.400 atletas inscritos, representando 40 cidades de Santa Catarina e de outros estados.  

Na solenidade de premiação foram divulgados os valores arrecadados com o evento solidário: a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Brusque foi contemplada com um cheque de R$ 100.853,51. Já o projeto “Pernas Solidárias” recebeu o valor de R$ 11.205,95. 

“É uma honra contar com toda esta solidariedade dos corredores. Isso se transforma em uma força que nos enche de motivação para seguir em frente, trabalhando de forma voluntária para que nossa entidade possa acolher, cada vez mais e melhor, as pessoas com deficiência”, afirma o presidente da Apae de Brusque, Renato Roda. 

O evento deveria ter ocorrido no último domingo, 19 de maio, mas precisou ser adiado por conta da forte chuva que atingiu a região. O imprevisto fez com que mais pessoas pudessem participar da prova. “Justamente por esse adiamento registramos novas inscrições. Isso é uma vitória para Brusque: reunir tantos atletas em uma causa solidária”, reforça o presidente da Apae.

Junto ao valor da inscrição estava listada a doação de um produto de higiene pessoal e limpeza, que contribuiria na manutenção da entidade. Porém, diante das enchentes que assolam diversas cidades do Rio Grande do Sul, a diretoria da Apae de Brusque decidiu enviar esses produtos ao Estado vizinho. “Como a corrida aconteceria no último domingo, já encaixotamos tudo durante a semana e os produtos estão à caminho. Então, fica o nosso agradecimento para todos que contribuíram”, enfatiza Roda. 

Corrida inclusiva

O coordenador do projeto “Pernas Solidárias”, Teodoro Pereira, vibrou com o número de participantes e demonstrou gratidão aos atletas, assessorias e empresários que apoiam a causa. “Mesmo com a adversidade de adiamento, ninguém nos abandonou. Ao contrário. Quando imaginamos que muitos iriam desistir, aumentaram a quantidade de inscrições. É uma honra saber que as pessoas abraçaram o projeto e estão juntas conosco, dispostas a fazer um evento ainda maior do que no ano passado. É uma corrida inclusiva e coletiva”, diz. 

Para Teodoro, até pouco tempo atrás, era difícil imaginar as pessoas com deficiência integradas à corrida de rua. “Hoje, qualquer pessoa, com qualquer deficiência, pode participar. Além disso, a corrida da Apae beneficia a instituição e é um projeto para todos”, afirma. 

Um dos atletas que “emprestou” suas pernas para uma pessoa com deficiência foi Nelson Debrassi Wanka, 45. Corredor há sete anos, foi a primeira vez que o técnico em eletroeletrônico auxiliou na condução de uma cadeira do “Pernas Solidárias”. “É um momento único. Sempre gostei de esportes e hoje me sinto realizado. A emoção está à flor da pele e passei a noite quase sem dormir só para viver esse dia inesquecível. Espero que isso se repita por muito tempo”, declara. 

Na cadeira de rodas adaptada estava Elvori Adilomar Mallmann Bonassi, de 27 anos. Ele tem sequelas de um acidente de trânsito que sofreu em 2020. Sua mãe, Luiza, falou sobre a emoção de acompanhar o filho em um evento tão especial. “Estou feliz por vê-lo sair um pouco de casa. O convite veio do grupo de corrida depois de uma visita que fizeram à nossa casa. Eles também levaram alimentos, porque estávamos precisando”, conta. 

Campeões

O primeiro atleta a cruzar a linha de chegada depois de correr cinco quilômetros foi o brusquense, Rafael de Oliveira Carvalho (Rafinha). Na primeira edição da Corrida da Apae ele ficou em segundo lugar e hoje viveu a emoção de alcançar o lugar mais alto do pódio. “Minha cabeça estava focada em realizar esse grande sonho de vencer. Quero parabenizar todos os corredores e confessar que treinei muito para ser o campeão”, revela.

Na categoria geral feminino para cinco quilômetros, a vencedora foi Suzete Lizote Terres. “O mais importante é participar de uma causa tão linda. Além de proporcionar saúde, essa corrida também nos permite auxiliar pessoas com deficiência”, destaca a atleta, que tem a meta de conhecer o Brasil inteiro disputando provas de corrida de rua. 

Charles Viana, morador de Itajaí, venceu a categoria geral masculina para 10 quilômetros. “Correr já é uma satisfação. Mas quando temos uma motivação solidária, a prova fica muito mais gratificante. Eu fico feliz de apoiar uma causa nobre”, pontua o atleta, que corre há sete anos. 

Para finalizar, Luciana Paula Aidar Ferreira, de Balneário Camboriú, foi a vencedora da categoria geral feminina para 10 quilômetros. “Pela primeira vez fui campeã de uma prova e fico ainda mais feliz porque o meu filho está aqui e me viu participar. É algo que não tem preço: correr atrás da saúde e ser um bom exemplo como mãe”, expressa a atleta. 

3ª Corrida Apae de Brusque

Com o encerramento do evento, a Apae de Brusque já anunciou a data da próxima edição: em 18 de maio de 2025 será realizada a 3ª Corrida da Apae de Brusque, em parceria com o projeto Pernas Solidárias, e que fará parte das comemorações dos 70 anos de fundação da associação brusquense, que é a primeira Apae de Santa Catarina e a segunda do país. 

Classificação geral – 2ª Corrida Apae de Brusque:

5km km geral – Feminino

1º lugar: SUZETE ANTONIETA LIZOTE

2º lugar: YASMIN MANUELA DA SILVA

3º lugar: MAIRA CAROLINA CHERRITTE SILVA

4º lugar: MARIA SUZETE DOS SANTOS SILVA

5º lugar: GENAINA LOPES DOS SANTOS SILVA

5 km geral – Masculino

1º lugar: RAFAEL OLIVEIRA DE CARVALHO 

2º lugar: OJANIO DOS SANTOS

3º lugar: MARCELO VIANA GREGORIO

4º lugar: CEZAR ALONSO DE OLIVEIRA 

5º lugar: MARCOS ANTONIO BOOS

10 km geral – Feminino

1º lugar: LUCIANA PAULA AIDAR FERREIRA

2º lugar: GABRIELI BERTOLINI

3º lugar: ELIZETE DE SOUZA GEANESINE FELIX

4º lugar: JAQUELINE FRANCISCO DA COSTA 

5º lugar: ELIANE MARIA FABIANO DE ALMEIDA

10 km geral – Masculino

1º lugar: CHARLES VIANA

2º lugar: ELIEL AFONSO DE OLIVEIRA LUIZ

3º lugar: MARCIO PASQUALINI

4º lugar: RAFAEL FRANCISCO SCHLINDWEIN ODISI

5º lugar: VALDINEI BRITO FAVACHO

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Publicidade

DESTAQUES

Fale Conosco

plugins premium WordPress

Utilizamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência no nosso portal. Conheça nossa Política de privacidade ou clique em continuar no botão ao lado.