Janela Popup com Áudio

Ao Vivo

Publicidade

Princípio de incêndio atinge construção na Praça do Paquetá

Em requerimento apresentado na última semana, vereador Deivis da Silva já alertava para situação de abandono do local

Fonte: Reprodução

Publicidade

A manhã desta quarta-feira (15/5) foi marcada por um princípio de incêndio na estrutura localizada na Praça do Paquetá, em Brusque.

O local, segundo o vereador Deivis da Silva, encontrava-se com lixo em seu interior e também era utilizado por usuários de drogas, conforme relatos feitos pela comunidade. 

Por isso, foi apresentado o Requerimento nº 77/2024 durante a sessão da última semana na Câmara Municipal. Nele, o legislador relatava a situação de abandono da estrutura da Praça do Paquetá. 

Deivis da Silva solicitava medidas urgentes para garantir as condições urbanísticas das construções existentes. Na oportunidade, o legislador já destacava o vandalismo e presença de entulhos no local que também seria utilizado por usuários de drogas.

Questionamentos

O imbróglio que envolve a praça volta-se a cessão pelo Poder Executivo, por lei no ano de 1996, para a Associação Atlética do Paquetá, que hoje estaria inativa, conforme alertou o vereador e líder de governo na Câmara, Valdir Hinselmann (PL). “Pelo que conseguimos informações, não existe mais ninguém que toque essa associação, só existe um CNPJ. Então, se for procurar alguma associação para tocar aquilo ali, não vai encontrar”, explicou Deivis. 

Para Deivis, a limpeza do local seria uma contrapartida da Prefeitura, uma vez que a Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro já está em espaço compartilhado na praça. “É uma questão sanitária. Inclusive, ali se vive ‘em condomínio’, porque a UBS está ocupando aquele espaço ali, naquele terreno e, ao lado, essa situação toda. Uma limpeza, no mínimo, de todo esse lixo que está ali dentro, é o primeiro passo”, sugeriu o vereador durante a sessão. 

Críticas

Em vídeo divulgado à imprensa, Deivis voltou a criticar o abandono do local e mostrou as imagens recebidas no qual mostram o local em chamas. Segundo o legislador, vândalos atearam fogo no lixo que estava dentro da construção. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Publicidade

DESTAQUES

Fale Conosco

plugins premium WordPress

Utilizamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência no nosso portal. Conheça nossa Política de privacidade ou clique em continuar no botão ao lado.