Janela Popup com Áudio

Ao Vivo

Publicidade

Comissão de Saúde questiona Prefeitura sobre espera por consultas especializadas

Vereadores decidiram encaminhar um pedido de informações ao governo após se reunirem com a diretora de Especialidades da Rede de Urgência e Emergência do município

Fonte: Talita Garcia/Câmara Municipal de Brusque

Publicidade

A Comissão Especial de Saúde da Câmara Municipal de Brusque recebeu na última terça-feira, 23 de março, a diretora de Especialidades da Rede de Urgência e Emergência (RUE) do município, Carmen Sylvia Schnaider Pedrini. A vereadora Marlina Oliveira (PT), presidente da comissão, e os vereadores Jean Dalmolin (Republicanos), relator dos trabalhos, e Natal Lira (PRD) participaram da reunião. 

Na pauta do encontro, esteve o tempo de espera para a marcação de consultas com médicos especialistas e a realização de procedimentos diversos na rede pública municipal de Saúde. Carmen explicou aos vereadores que o processo de agendamento obedece a um protocolo em que a prioridade é determinada com base na gravidade do quadro de saúde do paciente. 

“A gente tem estado nas unidades básicas e tem conversado com as pessoas, a população brusquense tem acompanhado o trabalho que a gente faz e, nessa contrapartida, vai nos demandando mais questões. Desde a última visita que nós fizemos in loco, nas unidades do bairro Limeira, recebemos inúmeras mensagens solicitando informações sobre a demora nos atendimentos das especialidades”, observou Marlina. 

Pedido de Informação

Como encaminhamento da conversa com Carmen, os parlamentares decidiram apresentar um pedido de informações ao governo municipal, com os seguintes tópicos: “1) Encaminhar relatório contendo a quantidade de pacientes em fila de espera e os atendidos, cadastrados nos três últimos anos para procedimentos de Especialidades. Especificar por procedimento e por classificação como de maior ou de menor urgência; 2) Na ocasião do cadastro do paciente, este é informado acerca da classificação do seu problema (de maior ou menor urgência), da sua posição na fila de espera e da previsão de atendimento, bem como da possibilidade de acessar o sistema SISREG para realizar esse acompanhamento enquanto aguarda ser chamado?”. 

A proposição deve ser colocada em votação na Ordem do Dia da sessão ordinária desta terça-feira, 30 de abril.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Publicidade

DESTAQUES

Fale Conosco

plugins premium WordPress

Utilizamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência no nosso portal. Conheça nossa Política de privacidade ou clique em continuar no botão ao lado.